Seis obrigações que todo MEI possui

Possuir um CNPJ pode abrir muitas portas para os empreendedores. Regularizar a situação de seu empreendimento traz muitos benefícios que acabam colaborando com o crescimento de sua empresa. O MEI pode pegar um empréstimo, emitir notas fiscais, além de ter direito a auxílio-maternidade, auxílio-doença e auxílio-aposentadoria, pois você acaba contribuindo com a previdência. Mas nem só de direitos vive um MEI, existem também os deveres. Acompanhe:

Pagar tributos sobre o salário de um funcionário

Caso você tenha um funcionário, saiba que você deverá contribuir com os impostos vinculados as leis trabalhistas. Esses valores são:

  • 3% sobre o salário para o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social)
  • 8% de FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço).

Pagamento mensal de DAS MEI

O Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS) é uma das maiores obrigações de um MEI. Através do Portal do MEI você acessa uma guia mensal que tem como o valor uma variável de acordo com seu ramo de atividade e tipo de ocupação.

Declaração Anual Simplificada

Essa declaração é o Imposto de Renda dos MEI’s. Anualmente você preenche este documento, onde coloca dados da sua Receita e tem como prazo o dia 30 de maio para entrega.

Relatório de receitas

Mensalmente você deve preencher um relatório de sua Receita bruta e anexar notas fiscais emitidas. Esse relatório vai te ajudar, principalmente, quando você precisar emitir a Declaração de Imposto de Renda para MEI.

Alvará de funcionamento

Após definir a localização de sua empresa, o ideal é você vá trás de um alvará de funcionamento. Esta parte é definida de acordo com cada cidade, sendo assim o ideal é que o MEI se informe nos órgãos públicos do seu município.

Nota Fiscal

Emitir nota fiscal é um grande diferencial para você que é um empreendedor. Você deve emiti-las sempre que suas transações forem com Pessoa Jurídica ou se for com Pessoa Física e ela solicitar nota.

Dicas práticas para te ajudar a abrir o seu negócio

No Brasil é mais complicado empreender, principalmente, por conta dos impostos e da burocracia que acaba dificultando e muito a vida de quem deseja abrir seu próprio negócio. Mas nossa intenção não é te desanimar.
As dificuldades vão existir em qualquer coisa que você for fazer na sua vida, mas tudo que é feito com planejamento e organização, acaba dando certo. Vamos passar quatro dicas valiosas que podem te ajudar em busca do sonho de trabalhar para si mesmo. Vamos passar quatro dicas valiosas que podem te ajudar em busca do sonho de trabalhar para si mesmo.

Cuide bem da parte administrativa

Ter experiência no ramo escolhido é muito bom, mas não é tudo. O ideal é que você tenha alguns conhecimentos administrativos, seja através de cursos, de pesquisa, não importa. Se não tiver um conhecimento, no mínimo básico, seu negócio terá muitas chances de naufragar logo no começo.Busque conhecimento em fontes diversas, através da internet, livros, cursos, etc. O importante é começar de algum lugar.

Mantenha a vida financeira organizada

Mantenha seu fluxo de caixa organizado e não é algo muito difícil de se fazer. Monte planilhas com as despesas variáveis e fixas de sua empresa, além de de colocar o seu faturamento. Dessa forma você conseguirá ter um controle melhor de seus gastos.

Conheça seus futuros clientes

Após definir o modelo de negócio, você precisa saber quem serão os seus clientes. Você precisa ter em mente qual público quer atingir, seja na faixa etária, classe ou gostos pessoais. Você precisará entender o comportamento os hábitos de seus clientes. Quanto mais você conhecê-los, mais terá chances de obter sucesso, pois você saberá exatamente qual produto/serviço seu público vai querer.

Fuja da informalidade

Muitos empreendedores não se formalizam, pois querem fugir dos tão temidos impostos, porém deve-se ter em mente que ao não se formalizar, você acaba perdendo chances de crescimento.
Dessa maneira, você terá dificuldades para conseguir crédito para investir no negócio, além de não poder emitir nota fiscal e criar uma conta bancária como pessoa jurídica.

Coloque essas dicas em prática e perceba que empreender não é um bicho de sete cabeças. Para que tudo fique ainda mais fácil, busque auxílio de uma assessoria contábil.

 

MEI: Perdeu ou prazo ou declarou errado? Veja o que fazer:

Anualmente os Microempreendedores Individuais precisam entregar uma Declaração que se refere ao Imposto de Renda. Neste ano, o prazo para entrega se encerrou no último dia 31 de maio, sexta-feira, e muito provavelmente, muitos brasileiros perderam o prazo ou entregaram a declaração com alguma informação equivocada.

Se você é uma dessas pessoas, continue lendo nosso artigo e não se desespere, pois vamos lhe informar o que fazer para não ter problemas futuramente por isso.

Perdi o prazo e agora?

Não entre em pânico. Caso você tenha perdido o prazo, fique ciente que ainda é possível enviar a Declaração através do mesmo site. O único porém é que agora você deverá arcar com uma multa que pode ser de até R$ 50 ou de 2% ao mês sobre o valor total dos tributos declarados.

Mas e se eu enviei, mas fiz errado?

Se você declarou errado, não se desespere, ainda é possível corrigir e evitar problemas futuros. Acesse o Portal do Empreendedor ou através do portal da Receita Federal e através dos seus dados você conseguirá fazer uma alteração na declaração.

Saiba que esta retificação não acarreta cobrança alguma ao empreendedor e só é possível fazê-la com até cinco anos de declarada.

Formalizar-se como MEI é algo que tem acontecido com muita frequência, pois sair da informalidade tem muitos benefícios aos empreendedores. Mas lembre-se que quanto mais informações você tiver, mais chances de obter sucesso você tem. O ideal é que você contrate uma assessoria contábil que possa te auxiliar e permitir que você foque suas energias no seu negócio.

Como os serviços contábeis podem influenciar no sucesso da sua empresa

Ter sucesso em um empreendimento é relativo, para alguns pode ser ter dinheiro no bolso e para outros o mais importante é possuir uma marca que sempre seja lembrada pelos clientes. Mas para que você tenha nos seus próximos anos muito dinheiro no bolso, é muito importante que você esteja dentro das conformidades em seu negócio, e para isso os serviços contábeis de extrema importância.

Nesse artigo, falaremos sobre atitudes práticas de sucesso para que a sua empresa vá bem e dentro de todas essas ações está a figura dos serviços contábeis como linha auxiliadora direta e importantíssima.

Acompanhe abaixo três dicas super valiosas.

1. A importância da tecnologia

A era pós-digital já chegou, onde a tecnologia deixou de ser algo de mera inovação, mas já está enraizada no nosso cotidiano, seja ele pessoal ou profissional. Dessa forma , trabalhar com tecnologia deixou de ser diferencial dos serviços contábeis no desenvolvimento das empresas, mas, sim, passou a ser fator estratégico. Mas sabemos que a tecnologia substituirá o fator humano e os serviços contábeis, mas, sim, ela veio para ser uma mão na roda, dinamizando os processos, trazendo a rapidez necessária no contexto de empresas.

Não pense que basta apenas ter ótimos equipamentos e pronto, por melhor que seja estar antenado às novas tecnologias, deve se ter cuidado para não achar que isto basta. Em resumo, até mesmo as empresas que não são de tecnologia, necessitam desses recursos para o seu desempenho empresarial.

2. O lado ruim da tecnologia

Justamente devido ao mercado tecnológico, hoje as empresas estão de olho nas inovações tecnológicas, entrando, também nesse caso o fator serviços contábeis. Muitos empresários tem trocado serviços que antes eram feitos de forma manual por sistemas que facilitam e muito este serviço. Dessa forma, se você não estiver de olho e esperto com tudo de novo que vem acontecendo, pode acabar ficando para trás.

Mas o que isso significa?

Significa que a tecnologia não trouxe apenas coisas boas. Se antes as grandes ameaças das empresas eram os concorrentes tradicionais da sua marca, hoje elas vão além.3. Protagonize o seu segmento

É importante que você coloque a mão na massa para começar o ano com o pé direito, principalmente porque a tendência é que a nova gestão pública, abra espaço para a iniciativa privada. Essa tendência de abertura torna os serviços contábeis são fundamentais para você entenda tudo o que compete ao mercado, para gerar estratégias para que a sua empresa posicione-se em vantagem com a concorrência e faça com que a sua empresa venha ser protagonista do seu segmento, estando à frente das concorrentes.

Livros para inspirar e motivar todo empreendedor

Se você está começando um novo negócio, sabe que no começo dá um frio na barriga e um medo de tudo dar errado. Buscar inspiração para empreender é extremamente importante e muitos fazem isso. Já pensou em buscar motivação através de livros?
Seja uma ficção, um livro de auto ajuda ou até mesmo uma biografia, os livros tem o poder de motivar e trazer um frescor em seus leitores. Vamos indicar alguns títulos que são capazes de dar uma cara nova e um gás em quem está um pouco desanimado.

Segue a lista:Execução – A Disciplina Para Atingir Resultados

Este livro fala muito sobre planejamento. Ele serve para aqueles que colocaram algumas metas e pretendem acompanhar quantas delas foram alcançadas. Além disso, é possível entender porque muitas empresas quebram por falta de execução e não de planejamento.

A Hora da Verdade

Este título fala sobre a importância de dar poder aos seus colaboradores e como é produtivo e compensador fazer isso. Alguns trechos do livro deixam claro que não importa hierarquia e, sim as ideias.

 

O Livro Negro do Empreendedor

O livro traz diversas soluções que não são encontradas nos livros acadêmicos. Tem muita importância para aqueles que pretendem inovar e quer fazer diferente sem correr o risco de fracassar. É considerado uma auto ajuda do empreendedor.

Seja foda

Apesar do palavrão no título, este livro é muito interessante em vários aspectos e serve para muitas situações na vida. Ele fala, principalmente, sobre sempre tentar ser melhor em algo que esteja fazendo, ou seja, tentar sempre superar a si mesmo. Tem muita relevância para aqueles que estão com medo de dar os primeiros passos. 

 

 Coloque a leitura em dia e quem sabe não é o que falta para que você deixe suas ideias em ordem e faça sucesso com seu empreendimento.

Como tirar sua ideia do papel

Pensou em empreender mas tem medo de começar? Não consegue dar os primeiros passos? Algo te impede de ir adiante e seu sonho vai ficando cada vez mais distante? Isso acontece com muita frequência com todos que tem vontade de empreender.

Mas fique tranquilo, vamos discutir maneiras de como tirar sua ideia do papel e transformá-la em realidade. Muitos empreendedores acham que criar um plano de negócios é algo difícil, além de ser a parte menos divertida. Mas para alcançar o sucesso é necessário passar por esta etapa.

Comece fazendo alguns rabiscos com ideias básicas do que pretende fazer e com o tempo vá aprimorando e transformando em um planejamento mais completo. Fazendo isto, as chances de você se perder diminuem consideravelmente.

1 – Defina o seu público

Identifique quem é o seu público e como quer atingi-lo. Coloque informações sobre idade, local, interesses, pois essas informações vão lhe ajudar

2– Controle de gastos e prazos

Faça um planejamento e tente definir quanto tempo e dinheiro vai ser necessário para conseguir todas as licenças e alvarás. Um cronograma bem feito é imprescindível para organização dos primeiros passos para abertura de uma empresa.

3 – Verifique quais são os requisitos para iniciar

Conheça quais são os documentos necessários para iniciar o seu negócio. É importante entender quais são os pré-requisitos e cumpri-los com cautela. Existem licenças e alvarás que são indispensáveis.

4 – Planejamento financeiro

Mesmo que você tenha pouco dinheiro para investir, o ideal é que você saiba exatamente onde vai gastar cada centavo de seu investimento. Evite gastos desnecessários e lembre-se que este é ponto principal de qualquer negócio.

5 – Qualidade em primeiro lugar

Se você oferecer algo ruim, vai ficar marcado logo no começo e isso vai te fazer perder clientela. Dessa forma, você vai conseguir conquistar cada vez mais clientes e aumentar seu faturamento. Preze pela qualidade e ofereça algo que faça as pessoas se lembrarem de uma boa experiência.

6 – Planeje todas as atividades

Escreva tudo em uma agenda e coloque nela, em ordem cronológica, todas as atividades a serem concluídas. Assim você vai evitar se perder durante o planejamento.

Seguindo os passos corretamente você poderá iniciar seu empreendimento com o pé direito.