A contabilidade [na_cidade] e o seu perfil de liderança: PARTE 2

Vários perfis de liderança podem ser traçados por meio de um serviço de contabilidade , confira o segundo texto sobre o tema e outros perfis

No primeiro texto da série “Como uma contabilidade pode traçar o seu perfil de liderança”, falamos sobre o que somos atualmente e também sobre o que o nosso tipo de serviço da perspectiva do funcionário, do público e do desempenho, pede que sejamos. Porém, prometemos um segundo texto na série, onde traríamos novos tipos de perfis, e como promessa é dívida, vamos ao segundo texto sobre “Como uma contabilidade pode traçar o seu perfil de liderança”.

Workaholic

Caso você não saiba o que significa workaholic, é um termo em inglês que traduzido representa o sujeito “viciado em trabalho”. O líder workaholic é movido por resultados e não se importa de trabalhar muitas horas por dia, colocando em risco até a sua qualidade de vida. Para ele, a qualidade de vida se traduz em resultados positivos.

É um cara movido por metas e desafios, o problema é que o líder workaholic tende a cobrar a mesma postura dos seus liderados, entretanto, tudo em excesso faz mal, e com o trabalho não é diferente.

Enquanto por um lado, os resultados costumam motivar a equipe, por outro, um líder desse perfil pode distorcer limites pessoais.

Cabe a contabilidade traçar o perfil da empresa e dos funcionários para medir o nível de aplicação que a empresa precisa para combinar as ações em uma medida que os resultados surjam sem conflitos internos.

Paizão

Tem como costume o bom relacionamento com os seus liderados, assumindo uma postura de conselheiro, apagador de incêndio e agregando ao quesito pessoal em todos os setores do departamento em que ele lidera.

Porém, muito embora o ambiente do trabalho seja o melhor possível com esse tipo de perfil de líder à frente, os resultados podem ser afetados pela falta de críticas construtivas e cobrança.

Por ser mais emocional do que racional, o líder paizão acaba deixando de lado o fator numérico em detrimento do fator humano, o que é um ato singelo, mas que pode colocar tudo a perder no desempenho da empresa. Além do mais, a tendência é ele ficar em cima do muro e não se sair bem na resolução de conflitos.

Ao identificar as falhas do líder paternal na empresa, a contabilidade precisa atentá-lo quanto a importância e ter a equipe em sua rédia, resolvendo conflitos e gerando resultado, já que apenas saber gerir pessoas não é o suficiente quando falamos do mundo dos negócios.

Professor

A princípio, é comum termos uma percepção de semelhança entre o líder professor e o líder de postura mais paternal. E qualquer semelhança não é mera coincidência, já que ambos procuram estar sempre atentos em agregar à equipe, o que é bastante louvável. Contudo, as semelhanças param por aí, pois a forma na qual o professor agrega a sua equipe é diferente do paizão.

Enquanto o líder paternal é mais coração, o professor é um cara mais técnico e que detém do conhecimento ao seu favor. A sua postura pode motivar a sua equipe, estando bem alinhada, dentro de uma gestão profissional. Mas ele, também, precisará entender que nem tudo é treinamento e capacitação, o que é fundamental, mas não 100% do trabalho.

O autoconhecimento é fundamental na hora de se trabalhar a gestão de equipe por meio de um líder professor, cabendo assim a contabilidade traçar a medida entre o líder professor e o paizão.

Você pode ter o perfil da sua liderança traçado por uma contabilidade [na_cidade] – Parte I

A contabilidade fornece dados estratégicos nos quais você pode concluir o seu perfil de liderança com os seus funcionários

Se você acha que é a melhor pessoa que pode falar sobre você como um profissional à frente da sua equipe, saiba que está enganado. Com uma visão extremamente intimista, a tendência é que você, dentro da sua perspectiva, seja imparcial. Bem como as opiniões de seus liderados que, mesmo olhando de fora, analisarão de acordo com o seu relacionamento e suas visões particulares. Para as definições que a empresa precisa, é ideal que você tenha consigo o auxílio de uma contabilidade .

A contabilidade trabalha diretamente com números e são exatamente os números que falam sobre a perspectiva da liderança direcionada a empresa. A contabilidade traça a perspectiva da liderança dentro de um conceito integral do negócio, e como o comando tem influência no fator motivação e desempenho com um todo no empreendimento é importante que os números sejam levantados pela contabilidade .

Por isso mesmo, o artigo mostra, além da importância da contabilidade em perspectivas que nem imaginamos, tabém os modelos de liderança para você ver qual mais se enquadra com o seu, ou os fatores que você precisa mudar ou manter de acordo com o perfil da sua empresa e dos seus liderados.

É válido informar, também, que esse primeiro texto tem apenas três perfis de liderança, mas ele será o primeiro de uma série, a fim de não deixar o artigo muito extenso. Então, a ideia é que você leia e logo procure uma contabilidade para se inteirar sobre o assunto.

Partindo disso, esse artigo tem como finalidade demonstrar o perfil de cada líder. E se você está curioso em saber qual é o seu, procure uma contabilidade . Mas lembre-se, esse texto ainda o primeiro de uma série, logo, outros perfis ainda serão demonstrados.

Chefe Tradicional

Caricatura dos chefes de desenhos animados e filmes, como uma criatura inapelável, que não respeita os liderados, muito por morrer de medo de ser passado para trás.

É praticamente impossível que algum liderado goste desse tipo de chefe, mas é praticamente impossível, também, que alguém diga isso abertamente, muito por medo das consequências do poder e do autoritarismo do chefe. Vive no limite do temor e nunca do respeito.

Procurando bem a fundo, o único benefício que podemos enxergar nesse tipo de chefe é que a sua empresa geralmente vai estar dentro de suas conformidades, já que ele dificilmente será contrariado. Mas convenhamos, esse benefício é muito mais individual do que coletivo.

O democrático

Está a quilômetros do chefe. A sua liderança é cooperativa e o seu carisma é cativante (embora em excesso possa parecer forçado). Agrega o senso de equipe e demonstra confiança.

Na resolução dos problemas, o líder democrático tende a trazer a equipe para si, muitos até buscam solucionar as problemáticas em prol maior ao líder do que o ideal da empresa ou da resolução

A própria democracia que traz a equipe para perto do líder e cativo os departamentos como um todo, pode também a principal problemática, já que muitas posturas exigem algo firme, de pulso e intransferível, ponto onde o líder democrático acaba pecando.

Chefe Autoritário 

Quem acha que o chefe autoritário é a mesma coisa que o tradicional, só pelo próprio autoritarismo, está enganado. Muito além do que a postura, está a finalidade da postura, que no caso do tradicional é a sua imagem  individualista e no autoritário é o desempenho da empresa.

O chefe autoritário é geralmente muito competente, mas não possui senso coletivo, sendo assim, o seu trato com os liderados não é eficaz, além dele não deixar o espaço aberto para feddbacks e crescimento integral com a sua equipe.

A única coisa que segura o líder autoritário é o reflexo da sua competência profissional, os resultados. Mesmo assim, sem ter a equipe na mão, o esforço depositado para se alcançar resultados é triplicado.

Bem, ainda temos uma série de líderes para apresentar como o líder paternal, marcador de ritmo, treinador, centralizados, liberal etc. Acompanhe os nossos artigos e busque correndo uma contabilidade para traçar o perfil da sua liderança para que, se preciso for, você adeque a sua forma de trabalhar de acordo com a sua equipe, mercado e demais circunstâncias.

Como os serviços de contabilidade te ajudará a vender mesmo desmotivado?

Você precisará descobrir o que motiva as suas vendas, para isso os serviços de contabilidade lhe auxiliarão

A crise financeira nacional se tornou um grande dificultador do mercado comercial brasileiro, mas se engana quem pensa que tudo é culpa da crise. O grande desafio entre as empresas atualmente é encontrar espaço para vencer em meio a uma concorrência tão intensa, já que muitas empresas têm perdido seus clientes e precisam ir à caça em busca de outros para não se prejudicar financeiramente. E é na hora da caça que entendemos que as vendas e os serviços de contabilidade andam lado a lado.

A sua empresa precisa se posicionar de forma relevante as demais, justamente para vender. Mas para vender, você e os seus funcionários precisarão estar alinhados aos serviços de contabilidade.

Posicionamento atual

Lembram daquele desenho “Corrida Maluca”? Então, a impressão que dá muitas vezes é essa quando olhamos para diversos segmentos de mercado. Várias empresas correndo, mas sem saber aonde querem chegar, e é aí que começa a desmotivação.

Quando se coloca muito esforço em algo que tende a não dar resultado, a tendência é que tanto a equipe quanto o departamento se desmotive com as negativas, o que respinga na produtividade da empresa.

Mudança de perspectiva

Em que ponto essa perspectiva pode ser mudada? É no momento em que a empresa começa a explorar os serviços de contabilidade para construir as suas estratégias de equipe, fazendo com que, no frigir dos ovos, toda a equipe se torne como vendedores por engajamento, o que vai além do ofício.

Mas para isso, os seus funcionários não poderão estar desgostosos na sua empresa e o serviço que fará todo esse mapeamento de satisfação somado a produtividade será justamente o serviço de contabilidade.

Cabe ao serviço de contabilidade, por meio de balanços e estratégias técnicas, notar o período de maior produtividade da empresa e o menor, fazer essa análise e observar o ambiente da empresa, quais eram os funcionários que estavam lá na época, o que e como os serviços em geral eram feito e o por quê o fluxo de vendas era positivo, em contraponto com o negativo.

É por meio dos levantamentos feitos por esses serviços de contabilidade que a empresa, ainda junto com os serviços de contabilidade, formatará a melhor estratégia coletiva, departamental e individual, visando a retomada de motivação na empresa, partindo por seus funcionários.

Cabe, após a estratégia traçada, a continuação dos levantamentos por parte do serviço de contabilidade, já que todos os fatores estratégicos do negócio passa por ele.

Conclusão

As vendas tendem a ter o fator motivacional totalmente interligado, mas motivar não é função tão fácil como se parece, cabe a gestão da empresa pensar em estratégicas que conversem com a parte técnica, afinal, contra fatos não há argumentos e no mundo empresarial os fatos são comprovados através de número, fator intensamente trabalhado pelos serviços de contabilidade.

Assessoria Contábil: como empreender digitalmente

A grande marca das vendas atualmente é o mundo online, mas existem alguns cuidados a serem tomados para fazer esse investimento

As vendas digitais, chamado setor e-commerce, cresceu 12% no ano passado (2017), de acordo com a ABComm (Assessoria Brasileira de Comércio Eletrônico), e movimentou, ainda segundo a ABComm, 59 bilhões de reais. O mundo de comércio digital é um diamante que precisa ser lapidado pelas empresas que querem atuar nele, já que ao mesmo tempo que vêm de uma boa crescente, ele precisa ser bem trabalhado para gerar sucesso. Visto o universo, resolvemos fazer esse post como uma assessoria contábil dentro do conceito que vamos falar, digital.

  • Vale a pena apostar no mundo digital

A expansão natural dos novos negócios está na Internet, mas se o intuito é criar a sua loja virtual é preciso montar um planejamento de vendas nos mesmos moldes das lojas físicas, primando pelo atendimento e atentando-se a reputação, até porque as críticas, bem como os elogios, são praticamente instantâneos quando se trata do universo virtual. No frigir dos ovos, sim, vale muito a pena apostar no mundo digital, mas como em todo empreendimento o planejamento e o zelo pela execução são coisas fundamentais. E é sempre bom, antes de dar o primeiro passo, fazer uma assessoria contábil para posicionar a sua empresa.

  • Não é preciso ter conhecimento de T.I

Se você não sabe nem o que significa minimamente o que é T.I, muito dificilmente sabe o que é a Tecnologia da Informação na prática, e sim, isso já respondeu o que é T.I. Mas fique tranquilo, porque não ter conhecimento em Tecnologia da Informação não interfere com que você crie um negócio virtual, até porque você precisará, ao criar esse negócio, ter uma equipe por trás da empresa, que inclui um departamento de programação.

Mas algo que é muito importante saber é que existem dois tipos de negócios via Internet: aqueles oriundos de um serviço exclusivamente virtual (como o Uber, Netflix, Amazon etc) e as empresas que querem levar as suas marcas físicas para um segmento online

Para que você venha desenvolver uma boa empresa virtual, busque uma assessoria contábil que irá, dentro dos seus números e fluxo de mercado, te mostrar se vale mais a pena terceirizar o departamento de programação ou fixar uma equipe na sua empresa.

  • Diferenças e semelhanças entre o físico e o online

Em ambos os casos, a primeira impressão é que fica. Mas a grande diferença é a forma com que é trabalhada a divulgação das empresas físicas e online.

Quando entremos numa loja, fazemos valer a localização, do ambiente e do atendimento para tirarmos a nossa conclusão quanto a recepção da empresa. Já num conceito digital, essa ambientação está no layout do site, na distribuição das ofertas dentro da plataforma digital e do suporte que ele da para que dúvidas sejam tiradas .

No caso das diferentes formas de divulgação, elas se dão muito justamente pelo fato de um ambiente ser virtual e o outro físico, logo, a forma de expansão da marca são completamente diferentes. No ambiente virtual, o investimento em redes sociais e o trabalho para otimização em buscadores é importantíssimo, já no campo de atuação fisico as opções de divulgação são maiores, até porque investir na internet para divulgar um negocio físico não é uma estratégia muito eficaz quando a sua empresa possui um ambiente virtual a ser explorado.

O seu negócio virtual muito dificilmente terá sucesso se não tiver um planejamento logístico por trás, mesmo com a popularidade do e-commerce. A assessoria contábil é o primeiro e grande passo nessa logística, pois a assessoria tem como finalidade dar um norte de investimento ao negócio dentro da sua realidade financeira.

Será que abrir um negócio vale a pena? Consulte uma contabilidade [na_cidade]

Procure uma contabilidade e vença o período médio de sobrevivência das empresas no Brasil

Você certamente já tenha ouvido a frase que diz que “O planejamento é a alma do negócio”, o que é uma realidade. O que não te contaram nessa frase é que o planejamento desse negócio pode muito bem ser trabalhado por uma contabilidade .

Temos que entender que o Brasil é um dos países que mais empreendem no Planeta, isso segundo a Global Entrepreneurship Monitor (GEM), mas o parâmetro que precisamos ter, acima de tudo, é o por quê e como as pessoas têm empreendido no nosso país. Na maioria das vezes a boa vontade não leva a lugar nenhum, e é aí que entra a contabilidade , que trabalhará o planejamento da empresa a fim de que ela tenha uma grande vida útil, já que a taxa de sobrevivência média das empresas brasileiras na média nacional é de 77%, segundo a Pesquisa de Sobrevivência das Empresas do Brasil, realizada em 2016 pelo SEBRAE.

Saber até onde você quer chegar com a sua empresa é muito importante, e essa importância pode ser estipulada pela contabilidade . Esse traçado analisará dentro dos recursos e da ideia da empresa as fases para que ela evolua a cada dia.

A contabilidade irá lhe dar total apoio para abrir o seu negócio em pontos como:

Planejamento

Ou business plan, o plano de negócios, será estipulado pela contabilidade a traçar passo a passo a perspectiva da sua empresa, para afetar positivamente e com mais assertividade em cada estratégia. A partir do plano de negócios que você irá fazer toda estipulação do mercado por meio da sua segmentação.

Financeiro

É o capital da empresa, que não é necessariamente um fator apenas financeiro, mas de investimento de tempo e  de recursos desempenhados inicialmente pelo próprio empresário, mas que por meio da contabilidade pode gerar atração a terceiros, os investidores.

Pró-labore

Valor financeiro tributado mensalmente aos proprietários e sócios da empresa, esse valor é relacionado ao Imposto de Renda.

Concorrência

O estudo da contabilidade não agregará apenas a sua própria empresa, mas o mercado como um todo. Por isso, é importante que o estudo contemple o conhecimento dos pontos fortes e fracos dos concorrentes, bem como do público-alvo da empresa.

Divulgação

A contabilidade irá observar todo o conceito do mercado em que a sua empresa está envolvida, bem como o público-alvo, para ser certeira no modo de divulgação. Atualmente, com a grande proporção das mídias digitais, a divulgação ficou mais certeira, mas isso não significa que os serviços de contabilidade são indispensáveis. O erro no quesito de divulgação pode significar na irrelevância da sua empresa pro público que receber o conteúdo da sua empresa. Com isso, é importante que fiquemos atento ao setor divulgação.

Saiba porque o benefício de alimentação é importante para os seus funcionários

Entre os fatores de influência dos benefícios de alimentação estão as vantagens fiscais, melhoria na produtividade e aumento na capacidade da equipe

A Lei em combate a fome e desnutrição foi promulgada em 1976 pelo Governo Federal e tem como ideia a contribuição das empresas privadas aos seus colaboradores no que diz respeito aos benefícios de alimentação. Em contrapartida, as empresas têm incentivos fiscais a fim de que elas contribuam com os seus funcionários que, no mínimo, tenham renda de até cinco salários-mínimos.

Precisamos entender que muito embora o ideal seja o funcionário trabalhar focado no ideal da empresa, ele chegou até lá através de um ideal pessoal que passa por basicamente em colocar a comida diária na mesa da sua casa, então, garantir isso por meio dos benefícios de alimentação já fará com que a empresa ganhe o funcionário para si, diminuindo a sua preocupação ao resguardar na esfera da alimentação.

Vamos ver, então, alguns pontos para que você venha entender o motivo da importância dos benefícios de alimentação para a empresa.

Questões fiscais

A empresa que contribui com o PAT (Programa de Alimentação do Trabalhador) terá o valor investido podendo ser deduzido no Imposto de Renda, além da isenção do valor investido em benefícios de alimentação no Programa de Previdência Social.

Evita riscos

Para se ter uma ideia da importância dos benefícios da alimentação, é que com a crise financeira mais da metade dos trabalhadores do nosso país cortaram suas idas nos almoços fora de casa, o que é muito negativo numa perspectiva de saúde e motivação da empresa.

Muito desses trabalhadores passaram a substituir suas ida aos restaurantes por lanches que nada beneficiam sua saúde. Já outros fazem a sua marmita, utilizando de um tempo que possivelmente não têm, principalmente aqueles que trabalham e estuda ou moram longe de onde trabalho. O que pode acarretar em desmotivação, já que o funcionário, para preparar o seu alimento, pode utilizar o seu tempo de sono e descanso, por exemplo.

Conjunto

Os benefícios de alimentação também podem gerar benefícios de conjunto para com a empresa. Isso porque os funcionários que tendem a ter um horário de almoço próprio tendem, também, a almoçarem juntos e criarem, a partir daí, um vínculo de relacionamento saudável, que é justamente importante que toda empresa tenha, por meio de funcionários que se respeitem entre si.

No frigir dos ovos, é o único benefício de alimentação que pouco tem a ver com a alimentação em si, mas que acarreta diretamente no desempenho da empresa, através da sua boa qualidade.

Simplório

Os benefícios de alimentação são simples de se colocar em prática. Vales-alimentação e refeição já transitam no mercado brasileiro há anos e são de oferecimento simples e integração à empresa mais simplórios ainda.